Ministra do Trabalho da Espanha vem ao Brasil para contar como desfez reforma trabalhista neoliberal

LULA E A MINISTRA DO TRABALHO DA ESPANHA
Última atualização:

247 – A ministra do Trabalho da Espanha, a advogada trabalhista Yolanda Díaz Pérez, virá ao Brasil para conversar com o ex-presidente Lula (PT) sobre a “contrarreforma” trabalhista, informou o Estadão. O Partido Socialista (PSOE), que governa a Espanha, revogou a reforma trbalhista neoliberal adotada naquele país.

Na terça-feira, 11, o ex-presidente Lula e representantes das seis centrais sindicais brasileiras, do Partido dos Trabalhadores (Gleisi Hoffmann) e da Fundação Perseu Abramo (Aloizio Mercadante) fizeram uma reunião com com representes do governo e do legislativo espanhol sobre a revisão da reforma trabalhista implantada em 2012.

Lula já sugeriu que deve buscar subsídios na “contrarreforma” coordenada por Yolanda Pérez como base para rever a reforma trabalhista feita em 2017, no governo de Michel Temer (MDB). Não apenas a ministra do Trabalho acabou com a reforma espanhola de 2012, como criou uma nova lei para fortalecer os direitos trabalhistas e os sindicatos na Espanha.