MDB se movimenta para tentar ocupar a Secretaria de Trabalho e Renda de Cláudio Castro

A cúpula do MDB alega que as secretarias ocupadas pelos deputados Gustavo Tutuca e Vinicius Farah foram indicações pessoais e não atendem institucionalmente ao partido.

Última atualização:

A possibilidade de o Podemos deixar a base de Cláudio Castro, por conta de uma candidatura própria ao Governo do Rio para garantir palanque a Sérgio Moro no estado, já  está provocando movimentações  entre os aliados.

Com duas secretarias – Turismo e Desenvolvimento Econômico – o MDB já deu início a articulação para tentar a terceira pasta, indicando um nome para a Secretaria de Trabalho e Renda, hoje comandada por Patrique Welber, do Podemos.

A cúpula do MDB alega que as secretarias ocupadas pelos deputados Gustavo Tutuca e Vinicius Farah foram indicações pessoais e não atendem institucionalmente ao partido.